Ser aprovado em um concurso é o sonho de muitas pessoas no Brasil. Estabilidade, boa remuneração, jornada de trabalho favorável e possibilidade de progredir na carreira pública atraem muitos profissionais e estudantes. A aprovação em primeiro concurso público, entretanto, é o resultado de um conjunto de ações.

Porém, se a aprovação não vier logo na primeira participação, não desanime! É claro que não ser aprovada em uma prova não é agradável, mas pode — e deve — contribuir para seu sucesso em um futuro bem próximo.

O objetivo desse artigo é mostrar as vantagens e os benefícios de já ter prestado um concurso público e como fazer para utilizar essa experiência como uma forma preparar seu caminho para obter êxito na próxima tentativa.

Faça uma autoavaliação

Não perca a oportunidade de evoluir e aprender com essa situação! Aproveite a experiência e tire dela tudo que puder, sem deixar sobrar nada. O fato de não ter sido aprovada na primeira tentativa pode ser seu diferencial para a próxima prova.

Afinal, muitas pessoas prestam concurso público, não passam, se sentem desmotivadas, frustradas e não atentam para o fato de que essa experiência pode ser muito produtiva. Bem poucas pessoas conseguem extrair os benefícios de uma autoavaliação e continuam acumulando experiências negativas.

Repasse mentalmente cada etapa do processo, desde a escolha de qual concurso participar, a montagem do cronograma de estudos, a escolha do curso preparatório e/ou se estudou sozinha ou em grupo. Tente relembrar seus hábitos negativos e positivos, eliminando uns e potencializando outros.

Você pode aproveitar para detalhar as provas. Em algum momento sentiu que “deu um branco”? Se a resposta for “sim”, no planejamento do próximo concurso algumas técnicas de memorização podem ser incluídas.

Depois de montar esse esboço, detalhe-o de forma a compreender em que pontos ocorreram falhas ou identifique processos que poderiam ter sido mais bem executados, tais como rotina de estudos, tempo dedicado por dia, se os dias de estudos eram equilibrados com atividades de lazer e se o tempo de descanso foi satisfatório.

É importante conhecer seus limites para poder identificar quais devem ser vencidos ou respeitados. Limites físicos devem ser respeitados, pois para vencê-los é necessário ter uma preparação específica. Já os limites psicológicos podem ser vencidos ao aumentar sua motivação e determinação para alcançar os objetivos.

Aumente o foco nos estudos

Bem, experiência em estudar para concurso você já tem. Agora o momento é de aperfeiçoar essa experiência com uma preparação profissional que a impulsione para cima e para a frente.

Aumentar o foco nos estudos ajudará a administrar o tempo de dedicação. Pessoas sem foco, ou que se dispersam facilmente, gastam mais tempo nos estudos que aquelas que se dedicam a aumentar o foco. Manter a concentração para estudar é o segredo dos candidatos que se deram bem nas provas e alcançaram uma convocação no concurso desejado.

De nada adiantará gastar horas e horas sobre os livros, passar noites estudando, se a assimilação não for satisfatória. Se houver organização e objetividade nas horas de estudo, é possível conseguir a aprovação sem fazer esses sacrifícios, até porque já está comprovado que eles só trazem prejuízos ao descanso e aprendizado.

Outra dica importante é selecionar que tipo de concurso público você quer colocar como alvo. Essa definição ajudará a encontrar concursos similares em cargos e consequentemente nas provas e matérias. 

Essa atitude lhe permitirá estudar matérias similares — se não forem idênticas — para dois concursos diferentes, aumentando suas chances e otimizando seu tempo de estudos. Aliás, você sabia que existem 4 tipos de concursos? Se quiser aumentar seu leque de opções, vale pesquisar sobre eles, identificar qual se encaixa melhor em suas pretensões e perfil e “pôr a mão na massa”!

Seja específico e objetivo

Potencializar essas duas qualidades pode ser o maior diferencial no aproveitamento de seu tempo. Otimizar seus estudos depende de planejamento e de ter os recursos necessários para fazê-lo. Aproveite suas habilidades em planejar para pesquisar sobre recursos que ajudarão a ganhar tempo. Videoaulas são uma excelente ferramenta para aumentar sua capacidade de assimilação.

Assistir a uma aula a deixará livre para entender o que foi explicado. Às vezes, ao ler uma matéria, não conseguimos absorver o conteúdo e nos dispersamos em pensamentos e preocupações, mas em uma videoaula você define a hora que quer assistir e estudar. Além disso, se fizer uma boa pesquisa, poderá até conseguir aulas gratuitas!

Um detalhe que não pode passar despercebido é a prova de redação. Já nos acostumamos a digitar o tempo todo e também a utilizar o corretor ortográfico, mas a dependência desta ferramenta pode atrapalhar na hora de lembrar a grafia correta de uma palavra. É importante fazer exercícios manuscritos de redação, simulados e outras práticas para exercitar a mente para este tipo de prova.

Construa o ritmo ideal de estudos

Você já sabe que o diferencial não é a quantidade de horas de estudo, mas a qualidade do planejamento e execução desse processo. Sabe também que atividades de lazer e até mesmo atividades físicas a ajudarão a ter uma mente sã, que assimile o conteúdo e consiga acessá-lo na hora certa.

Com base na experiência do primeiro concurso, construa seu planeamento de estudos de forma a aproveitar ao máximo o tempo e os recursos disponíveis. Se for o caso, pesquise por dicas de especialistas. Experiência compartilhada é excelente para o desenvolvimento coletivo e pode ser que dentro de alguns anos você esteja compartilhando sua experiência de passar em um concurso!

Aproveite esse tempo de planejamento para se conhecer. Procure identificar em que momentos sentiu dificuldade nos estudos, qual matéria foi mais difícil de compreender, ou mesmo que tipo de atividade lhe causou dispersão. Televisão e celular podem ser inimigos em termos de concentração.

Elaborando um planejamento de qualidade, ficará mais fácil controlar a ansiedade e nervosismo no dia da prova. Quem se prepara de forma adequada tem muito menos motivos para se preocupar. Depois disso, aproveite seu tempo de estudos, escolha bem qual concurso prestar, que carreira você pretende seguir e, então, corra para o sucesso!

Gostou deste artigo? Agora você já sabe que se a aprovação em primeiro concurso público não aconteceu, isso não é motivo para desanimar, mas justamente para poder se planejar e se desenvolver ainda mais e aumentar as suas chances para o próximo! Se quiser receber mais informações sobre este assunto, siga-nos nas redes sociais. Estamos no Facebook, Instagram, Linkedin e Youtube!