Fazer exercícios físicos antes ou depois de estudar?

A gente bem sabe que fazer exercícios físicos é essencial não só para a saúde do corpo, mas também para a saúde da mente. E, por isso, é de extrema importância para quem estuda para concursos públicos. Há inúmeras vantagens em fazer uma atividade física enquanto você estuda e ainda tem gente que abdica disso para ter mais tempo para estudar.

Mas é claro que existe toda uma ciência por trás disso e uma das dúvidas que podem surgir na cabeça dos concurseiros é se é melhor fazer exercícios antes ou depois de estudar. Vamos esclarecer isso agora mesmo. Confira!

Devo fazer exercícios antes ou depois de estudar?

Que você deve fazer exercícios físicos e que eles ajudam no aprendizado, disso ninguém tem dúvida. Mas para potencializar os resultados, você deve praticar a atividade física em momentos adequados do dia. E a resposta para essa dúvida é que a melhor opção é praticar exercícios físicos poucas horas depois de ter estudado.

É justamente nesse momento que o novo aprendizado está se estabilizando no seu cérebro e, por isso, esperar algum tempo depois do estudo para praticar exercícios é a melhor opção. Vamos entender o motivo disso com uma pesquisa científica que foi realizada pela Universidade de Edimburgo na Escócia e pela Universidade de Radboud na Holanda.

No total, 72 pessoas participaram da pesquisa  e todas foram orientadas para completar uma tarefa relacionada à memória. Após isso, elas foram divididas em 3 grupos:

  • Grupo 1: Praticaram exercícios imediatamente depois;
  • Grupo 2: Esperaram 4 horas para participar exercícios;
  • Grupo 3: Não fizeram nenhuma atividade física.

Depois de 2 dias, os 3 grupos foram novamente chamados para um outro teste de memória. O resultado foi que o grupo que fez exercícios 4 horas depois da tarefa conseguiu se sair melhor nessa tarefa, precisamente, 10% melhor que os outros dois grupos. Ainda se tem certeza exata sobre a janela temporal para obter o desempenho máximo. Mas, para quem estuda para concursos, 10% já ajuda bastante não é não pessoal?

Os cientistas acreditam que o motivo para essa melhora é por conta da liberação de neurotransmissores como a adrenalina e a dopamina. Essas substâncias ajudam a “registrar” as informações no cérebro.

Por que fazer exercícios físicos?

Não, esse não será mais um tópico que vai dizer para você fazer exercícios físicos porque faz bem, isso todo mundo já sabe. Vamos aqui falar sobre pesquisas que mostrem a real utilidade dos exercícios para quem é concurseiro. Veja alguns benefícios:

  • Segundo especialistas de Harvard, fazer 20 minutos todos os dias melhora, pelo menos, 3 funções cerebrais;
  • Os neurocientistas da Universidade de Illinois descobriram que os alunos que praticam exercícios têm um desempenho escolar 20% melhor que os sedentários;
  • Segundo pesquisadores da Califórnia, caminhar apenas 3 vezes por semana aumenta em 15% a capacidade de concentração.

Além de todas essas vantagens, é inegável que você se sente muito melhor quando se olha no espelho e gosta do que vê e a atividade física constante ajuda nisso. Dizer que não tem tempo porque precisa estudar é não se colocar como prioridade na sua vida, afinal de contas, ninguém consegue estudar doente não é mesmo? A sua saúde vem sempre em primeiro lugar.

Agora que você já não tem mais dúvida sobre fazer exercícios físicos antes ou depois de estudar, compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais e ajude outros concurseiros! 

Calila Galvão

Calila Galvão, redatora freelancer e graduada em fisioterapia. Concurseira desde 2013 e aprovada no concurso de Bombeiro Militar da Bahia.

Carregando...