Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) encaminhou pedido Concurso ao Ministério da Fazenda e protocolado na Divisão de Concursos Públicos/CGCOM-SGP/DEPRO-SGP/SGP/Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPOG). Assim que autorizado, o Ministério deve divulgar edital no início do ano de 2018. O certame deve ofertar oportunidades para os cargos de Auditor-Fiscal do Trabalho e Agente Administrativo.

Oo pedido foi publicado no Protocolo Integrado, sob nº 03000001359201749.

O Sinait (Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais) manifestou apoio à realização do certame, que teve o pedido negado em 2015 por causa de cortes no orçamento. A diretora do Sinait, Rosângela Rassy, disse que “é fundamental que se aumente o número de auditores-fiscais do trabalho, além de proteger os empregados, também atuamos na arrecadação que traz crescimento econômico para o país”.

O Ministério do Trabalho e Emprego passa por uma defasagem de servidores. Apenas 2.500 auditores estão em atividade para fiscalizar cerca de 86 milhões de trabalhadores. Por volta de 500 servidores ainda estão prestes a se aposentar. Esse é o menor quadro de servidores em 20 anos, segundo o Sinait. De acordo com pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea),  a carência é de mais de 5 mil auditores do trabalho no país.

Fique atento em nosso blog e, em breve, traremos mais informações sobre este certame tão aguardado.

Por: Suzana Oliveira

                Por: Suzana Oliveira