Outubro Rosa: a gente precisa tocar nesse assunto!

Outubro Rosa: a gente precisa tocar nesse assunto!

O Outubro Rosa é um movimento internacional de conscientização para controle do câncer de mama e colo do útero. O objetivo da campanha anual é de compartilhar informações e promover maior entendimento sobre à doença. Com diagnósticos e tratamentos precoces, podemos alcançar a redução na mortalidade de mulheres acometidas pelo câncer.

Todos os anos, a cor rosa é adotada durante o mês de outubro, para sinalizar a campanha, que já se tornou tradicional. O câncer de mama é o segundo tipo mais frequente no mundo, essa doença pode ser facilmente percebida pela mulher durante o autoexame.

Como fazer o autoexame:

• Com a coluna ereta, coloque a mão esquerda atrás da nuca, com o cotovelo apontado para cima;
• Deslize a mão direita pela mama esquerda, apalpando-a com a ponta dos dedos;
• Faça movimentos circulares com firmeza, mas sem causar desconforto ou dores, iniciando na axila e seguindo em direção ao mamilo;
• Durante a apalpação, verifique se há regiões mais densas ou caroços;
• Faça os mesmos movimentos circulares na região das axilas, observando se há algum nódulo palpável;
• Pressione delicadamente o mamilo para verificar se há saída de líquido de origem desconhecida;
• Troque a posição dos braços, colocando a mão direita na nuca, e repita o passo a passo desta etapa.

Sinais para observar durante o autoexame:

• Mama inchada, com tamanho ou formato alterado;
• Mamilo secretando líquido sem que você esteja amamentando;
• Irritação ao redor do mamilo com vermelhidão, coceira ou ardência;
• Pequenas feridas ou lesões na mama;
• Região da mama “afundada” ou retraída, com prejuízo ao contorno;
• Caroço perceptível ao toque na mama ou na axila;
• Veia dilatada ou aumentando de tamanho na mama;
• Textura da pele alterada com surgimento de rugas ou aparência de celulite;
• Mamilo que mudou de posição ou virado para dentro (inversão);
• Dores nas mamas ou nas axilas.

O autoexame das mamas, ajuda no conhecimento do próprio corpo e na identificação da doença de forma precoce, entretanto, não substitui o exame clínico realizado por um profissional de saúde.

Caso alguma alteração seja observada, a mulher deve procurar atendimento médico. Mesmo que não encontre nada durante o autoexame, a mamografia deve ser realizada uma vez por ano, por profissionais da saúde, como forma de prevenção.

A Focus está com você nesta causa.

Participe de um dos nossos grupos do whatsapp e Telegram e fique sempre informado. Todas as nossas notícias, do Blog do Focus Concursos, serão publicadas nos grupos imediatamente. 

Whatsapp News |  Telegram News