O que estudar para o concurso da Embasa 2021?

Estamos nos aproximando do segundo semestre do ano e aumenta a expectativa para a divulgação do edital para concurso da Embasa, a empresa de saneamento da Bahia. O governador Rui Costa (PT) havia anunciado essa possibilidade de abertura do certame na segunda metade de 2021. Trata-se de uma ótima oportunidade, com 850 vagas disponíveis para quem sonha com carreira na área administrativa. 

Enquanto o edital não sai, é importante ir se preparando para estudar os conteúdos que costumam ser exigidos. Separamos os assuntos extraídos do último edital, realizado em 2017 pelo IBFC. Confira:

NÍVEL MÉDIO/TÉCNICO

Conhecimentos gerais

LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Compreensão e interpretação de textos. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Emprego das classes de palavras. 6. Emprego do sinal indicativo de crase. 7. Sintaxe da oração e do período. 8. Pontuação. 9. Concordância nominal e verbal. 10. Regência nominal e verbal. 11. Significação das palavras.

MATEMÁTICA: (Somente para as funções de Agente Administrativo, Agente Operacional, Assistente de Laboratório e Operador de Processos de Água e de Esgoto). 1. Números inteiros: operações e propriedades; múltiplos e divisores: problemas. 2. Números racionais: operações e propriedades; problemas envolvendo as quatro operações na forma fracionária e decimal. 3. Números e grandezas proporcionais; razões e proporções; divisão proporcional; regra de três simples e composta. 4. Porcentagem. 5. Juros e desconto simples (juro, capital, tempo, taxa e montante). 6. Funções do 1º e 2º graus: problemas. 7. Sistema de medidas: decimais e não decimais. 8. Sistema monetário brasileiro: problemas.

RACIOCÍNIO LÓGICO: (Somente para as funções de Técnico Operacional (Edificações) e Técnico em Eletromecânica). 1. Lógica sentencial e de primeira ordem. 2. Contagem: princípio aditivo e multiplicativo. 3. Arranjo. 4. Permutação. 5. Combinação simples e com repetição.

NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 1. Conceitos e modos de utilização de aplicativos para edição de textos, planilhas e apresentações: ambiente Microsoft Office, BR Office. 2. Sistemas operacionais: Windows e LINUX. 3. Conceitos básicos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados à Internet e intranet.

NOÇÕES DE LEGISLAÇÃO: 1. Lei nº 11.445 de 05 de janeiro de 2007 – Diretrizes nacionais para o saneamento básico: princípios fundamentais, exercício da titularidade, planejamento, aspectos econômicos e sociais, aspectos técnicos e política federal de saneamento básico. 2. Lei nº 9.433, de 8 de janeiro de 1997 – Institui a Política Nacional de Recursos Hídricos e outras providências. 3. Lei nº 11.172 de 01 de dezembro de 2008 – Princípios e diretrizes da Política Estadual de Saneamento Básico: do direito à salubridade ambiental, das diretrizes e princípios da política Estadual de Saneamento Básico, do sistema estadual de saneamento básico, do planejamento, da gestão associada. 4. Lei nº 12.602 de 29 de novembro de 2012 – Criação da Agência Reguladora de Saneamento Básico do Estado da Bahia – AGERSA.

NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA: 1. Organização da administração pública no Brasil a partir da Constituição Federal de 1988. 2. Conceitos relativos às administrações direta e indireta. 3. Diferenças entre autarquias, fundações e empresas públicas. 4. Agentes públicos. 5. Licitação Pública: princípios básicos e definições; convênios e termos similares; modalidades, limites, dispensa e inexigibilidade (Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e suas alterações); Lei nº 9.433, de 1º de março de 2005, e suas alterações – Contratos e compras; Lei nº 10.520, de 17 de julho de 2002 – Licitação na Modalidade Pregão. Página 44 de 53

NOÇÕES GERAIS DA IGUALDADE RACIAL E DE GÊNERO: 1. Constituição da República Federativa do Brasil (art. 1º, 3º, 4º e 5º). 2. Constituição do Estado da Bahia, (Cap. XXIII “Do Negro”). 3. Lei federal no 12.288, de 20 de julho de 2010 (Estatuto da Igualdade Racial). 4. Lei estadual nº 13.182, de 06 de junho de 2014 (Estatuto da Igualdade Racial e de Combate a Intolerância Religioso), regulamentada pelo Decreto estadual nº 15.353 de 08 de agosto de 2014. 5. Lei federal no 7.716, de 5 de janeiro de 1989, alterada pela Lei federal no 9.459 de 13 de maio de 1997 (Tipificação dos crimes resultantes de preconceito de raça ou de cor). 6. Decreto Federal no 65.810, de 08 de dezembro de 1969 (Convenção internacional sobre a eliminação de todas as formas de discriminação racial). 7. Decreto federal n o 4.377, de 13 de setembro de 2002 (Convenção sobre eliminação de todas as formas de discriminação contra a mulher). 8. Lei federal no 11.340, de 7 de agosto de 2006 (Lei Maria da Penha). 9. Código Penal Brasileiro (art. 140). 10. Lei federal nº 9.455/1997 (Combate à Tortura). 11. Lei federal nº 2.889/56 (Combate ao Genocídio). 12. Lei federal no 7.437, de 20 de dezembro de 1985 (Lei Caó). 13. Lei estadual no 10.549 de 28 de dezembro de 2006 (Cria a Secretaria de Promoção da Igualdade Racial); alterada pela Lei estadual no 12.212/2011. 14. Lei federal no 10.678 de 23 de maio de 2003 (Cria a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República).

Conhecimentos específicos exigidos de cada cargo

AGENTE ADMINISTRATIVO: 1. Qualidade no atendimento ao público. Comunicabilidade, apresentação, atenção, cortesia, interesse, presteza, eficiência, tolerância, discrição, conduta e objetividade. 2. Trabalho em equipe. 2.1. Personalidade e relacionamento. 2.2. Eficácia no comportamento interpessoal. 2.3. Fatores positivos do relacionamento. 2.4. Comportamento receptivo e defensivo, empatia e compreensão mútua. 3. Conhecimentos básicos de administração. 3.1. Características das organizações formais: tipos de estrutura organizacional, natureza, finalidades e critérios de departamentalização. 3.2. Processo organizacional: planejamento, direção, comunicação, controle e avaliação. 3.3. Comportamento organizacional: motivação, liderança e desempenho. 4. Patrimônio. 4.1. Conceito. 4.2. Componentes. 4.3. Variações e configurações. 5. Hierarquia e autoridade. 6. Eficiência, eficácia, produtividade e competitividade. 7. Processo decisório. 8. Planejamento administrativo e operacional. 9. Divisão do trabalho. 10. Controle e avaliação. 11. Motivação e desempenho. 12. Liderança. 13. Gestão da qualidade. 14. Técnicas de arquivamento: classificação, organização, arquivos correntes e protocolo. 15. Noções de cidadania. 16. Noções de uso e conservação de equipamentos de escritório. 17. Compras na Administração Pública. 17.1. Licitações e contratos. 17.2. Princípios básicos da licitação. 18. Conceito de segurança do trabalho: EPIs e EPCs. 19. Ética no trabalho.
 

AGENTE OPERACIONAL: 1. Instalação, ampliação e manutenção de rede de água, esgoto e ramais domiciliares; operação de equipamentos das unidades operacionais; funcionamento das unidades de tratamento de água e esgoto; operação e controle das unidades dos sistemas de água e esgoto. 2. Unidades de Medida: extensão, peso, vazão, volume, pressão e nível. 3. Conexões flangeadas de tubulações – montagem e desmontagem. 4. Conhecimentos de válvulas e registros – tipos, funcionamento. 5. Instrumentos analógicos e digitais de medição de vazão (hidrômetros e rotâmetros), pressão e nível – transmissão eletrônica de dados (fundamentos). 6. Leitura de Instrumentos Analógicos e Digitais – aproximações. 7. Conhecimentos de produtos químicos utilizados em tratamento de água ou esgotos. 8. Vidraria de laboratório: pipetas, provetas, béquer, etc. 9. Equipamentos de laboratório: analisadores de PH, Cloro, Turbidez, flúor, cor, ferro e alumínio. 10. Análise de controle: PH, cloro residual, turbidez, flúor, cor, sólidos sedimentáveis. 11. Conhecimentos das fases do tratamento de água ou esgotos. 12. Coleta de amostras; identificação das unidades de uma ETA e ETE. 13.Tipos de tratamento de esgoto. Noções de destinação de resíduos industriais, proteção de mananciais e recursos hídricos. 14. Normas Técnicas de Segurança no trabalho no manuseio de produtos químicos, transporte de materiais, ergonomia. 15. Conceito de segurança do trabalho: EPIs e EPCs.16. Ética no trabalho. 

ASSISTENTE DE LABORATÓRIO: 1. Qualidade de Água: Propriedades da água; usos da água e requisitos de qualidade; fontes de poluição das águas; Conhecimentos Básicos da Portaria nº 2914/2011 do Ministério da Saúde e das Resoluções CONAMA Nº 357/2005, 396/2008 e 430/2011. 2. Coleta de Amostras e Técnicas de Análise de Campo: Coleta e preservação de amostras de água tratada nas ETA, reservatórios e rede; águas brutas dos rios, lagoas, represas, poços; esgoto de ETE´s, lagoas e hospitais, conforme diretrizes do Guia Nacional de Coleta e Preservação de Amostras da Agência Nacional de Águas – ANA. Conhecimentos do uso de instrumentos de coleta. Análises Químicas de Campo: Determinação de Cloro Residual, Ph, temperatura e Oxigênio Dissolvido de amostras de água e esgoto. Preservação de Amostras de Oxigênio Dissolvido segundo a técnica de Winkler; Conhecimentos básicos das operações unitárias laboratoriais: Pesagem, medição de volumes, refrigeração, diluição, filtração e dissolução. Técnicas de manejo e equipamentos. 3. Processos de Lavagem e preparo de materiais para uso em laboratórios: Técnicas de Lavagem e limpeza de materiais de laboratório, incluindo vidrarias; Lavagens especializadas com detergentes de laboratório, cálculo de diluição de detergentes; Qualidade da água para uso em laboratórios Esterilização a seco e autoclavagem de material. 4. Conhecimentos Básicos da norma ABNT NBR ISO/IEC 17025:2005; das normas de Higiene e Segurança do trabalho em Laboratórios.5. Normas Técnicas de Segurança no trabalho no manuseio de produtos químicos, transporte de materiais, ergonomia. 6. Conceito de segurança do trabalho: EPIs e EPCs. 7. Ética no trabalho.

OPERADOR DE PROCESSOS DE ÁGUA E DE ESGOTO: 1. Conhecimento e funcionamento dos diversos tipos de unidades de tratamento; fases, etapas do processo de tratamento de água e esgoto.2. Operação e controle das unidades dos sistemas de água e esgoto.3. Manutenção preventiva e corretiva em equipamentos das unidades operacionais ETA/ETE, elevatórias e subestação. 2. Medidas de volume, peso e vazão. 3 Procedimentos analíticos de rotina tais como: pH, turbidez, cloro, cor, flúor, temperatura, sólidos. 4. Equipamentos, reagentes e vidraria. 5. Preparo de solução de produtos químicos. 6. Controle de estoque de produtos químicos: formas de armazenamento dos produtos químicos, tais como cloro, cal hidratada, sulfato de alumínio, flúor, hipocloritos, formas de transporte e manuseio dos produtos químicos. Manutenção de ETA/ETE. 7. Maneiras de utilização dos materiais de expediente, limpeza e conservação das instalações internas e externas das ETAs/ETEs; diferentes formas de medição de vazões (vertedores, calha parshall). 8. Coleta correta de amostras; identificação das unidades de uma ETA e ETE. 9. Monitoramento e operação de ETA/ETE: tipos possíveis de estações de tratamento de água e esgotos. 10. Processos físicos, químicos e biológicos em ETEs e ETAs. 11. Noções básicas de química: reações simples de coagulação e oxidação.12. Normas Técnicas de Segurança no trabalho no manuseio de produtos químicos, transporte de materiais, ergonomia. 13. Conceito de segurança do trabalho: EPI’s e EPC’s. 14. Ética no trabalho.

TÉCNICO OPERACIONAL (EDIFICAÇÕES): 1. Projetos arquitetônicos: plantas, cortes, elevação, locações, detalhamento, leiaute, desenhos em perspectivas e detalhes executivos. 2. Desenho técnico e leitura, interpretação e utilização de ferramentas computacionais (AutoCAD). 3. Desenho topográfico: leitura e desenho da planta topográfica e interpretação de levantamento topográfico. 4. Concreto armado: elementos estruturais (lajes, vigas, pilares), comportamento, tipos e detalhes, cálculo de volume de concreto, ferragens, fundações, escadas e reservatórios. 5. Terraplenagem, escavações/escoramentos, compactação de solos e assentamento de tubulações. 6. Orçamento e composição de custos unitários, parciais e totais: levantamento de quantidades, composição de BDI. 7. Especificações de serviços e materiais. 8. Características e propriedades dos materiais de construções. 9. Acompanhamento, fiscalização e controle de execução de obras e serviços. 10. Cronograma físico- financeiro, acompanhamento de aplicação de recursos (medições, emissão de fatura etc). 11. Controle tecnológico de solos: conhecimento e interpretação de ensaios. 12. Instalações prediais (hidráulicas e sanitárias) e serviços complementares. 13. Noções de meio ambiente. 14. Conceito de segurança do trabalho: EPI’s e EPC’s. 13. Ética no trabalho. Página 46 de 53 TÉCNICO EM ELETROMEC NICA: 1. Eletrotécnica: noções básicas de eletricidade, circuitos e equipamentos elétricos. 2. Máquinas elétricas. 3. Noções de comandos elétricos. 4. Máquinas hidráulicas. 5. Medidas elétricas. 6. Proteção de motores elétricos. 7. Dimensionamento de condutores e proteção. 8. Materiais, equipamentos e dispositivos elétricos e mecânicos. 9. Técnicas de manutenção. 10. Planejamento e controle da manutenção (planejamento anual de atividades; sistema de ordem de serviços; histórico de intervenções em equipamentos, componentes principais e em instalações; custos aplicados à manutenção). 11. Programação e execução de serviços de manutenção. 12. Leitura e interpretação de desenhos técnicos e diagramas. 13. Elementos de máquinas. 14. Resistência dos materiais. 15. Tecnologia dos materiais. 16 Metrologia e Ensaios de materiais. 17. Termodinâmica. 18. Sistemas de medidas. 19. Máquinas operatrizes. 20. Alinhamento de máquinas. 21. Métodos de proteção anticorrosiva. 22. Tubulações industriais e acessórios. 23. Traçado de caldeiraria. 24. Noções de hidráulica. 25. Noções de meio ambiente. 14. Conceito de segurança do trabalho: EPI’s e EPC’s. 13. Ética no trabalho.
 

Prepare-se para o concurso da Embasa 2021 com as nossas aulas online! Adquira o nosso curso preparatório para essa carreira. Clique aqui!

 

NÍVEL SUPERIOR

Conhecimentos gerais

LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Compreensão e interpretação de textos. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Emprego das classes de palavras. 6. Emprego do sinal indicativo de crase. 7. Sintaxe da oração e do período. 8. Pontuação. 9. Concordância nominal e verbal. 10. Regência nominal e verbal. 11. Significação das palavras.

RACIOCÍNIO LÓGICO: 1. Lógica sentencial e de primeira ordem. 2. Contagem: princípio aditivo e multiplicativo. 3. Arranjo. 4. Permutação. 5. Combinação simples e com repetição. NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 1. Conceitos e modos de utilização de aplicativos para edição de textos, planilhas e apresentações: ambiente Microsoft Office, BR Office. 2. Sistemas operacionais: Windows e LINUX. 3. Conceitos básicos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados à Internet e intranet. NOÇÕES DE LEGISLAÇÃO: 1. Lei nº 11.445 de 05 de janeiro de 2007 – Diretrizes nacionais para o saneamento básico: princípios fundamentais, exercício da titularidade, planejamento, aspectos econômicos e sociais, aspectos técnicos e política federal de saneamento básico. 2. Lei nº 9.433, de 8 de janeiro de 1997 – Institui a Política Nacional de Recursos Hídricos e outras providências. 3. Lei nº 11.172 de 01 de dezembro de 2008 – Princípios e diretrizes da Política Estadual de Saneamento Básico: do direito à salubridade ambiental, das diretrizes e princípios da política Estadual de Saneamento Básico, do sistema estadual de saneamento básico, do planejamento, da gestão associada. 4. Lei nº 12.602 de 29 de novembro de 2012 – Criação da Agência Reguladora de Saneamento Básico do Estado da Bahia – AGERSA.

NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA: 1. Organização da administração pública no Brasil a partir da Constituição Federal de 1988. 2. Conceitos relativos às administrações direta e indireta. 3. Diferenças entre autarquias, fundações e empresas públicas. 4. Agentes públicos. 5. Licitação Pública: princípios básicos e definições; convênios e termos similares; modalidades, limites, dispensa e inexigibilidade (Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e suas alterações); Lei nº 9.433, de 1º de março de 2005, e suas alterações – Contratos e compras; Lei nº 10.520, de 17 de julho de 2002 – Licitação na Modalidade Pregão. 

NOÇÕES GERAIS DA IGUALDADE RACIAL E DE GÊNERO: 1. Constituição da República Federativa do Brasil (art. 1º, 3º, 4º e 5º). 2. Constituição do Estado da Bahia, (Cap. XXIII “Do Negro”). 3. Lei federal no 12.288, de 20 de julho de 2010 (Estatuto da Igualdade Racial). 4. Lei estadual nº 13.182, de 06 de junho de 2014 (Estatuto da Igualdade Racial e de Combate a Intolerância Religioso), regulamentada pelo Decreto estadual nº 15.353 de 08 de agosto de 2014. 5. Lei federal no 7.716, de 5 de janeiro de 1989, alterada pela Lei federal no 9.459 de 13 de maio de 1997 (Tipificação dos crimes resultantes de preconceito de raça ou de cor). 6. Decreto Federal no 65.810, de 08 de dezembro de 1969 (Convenção internacional sobre a eliminação de todas as formas de discriminação racial). 7. Decreto federal n o 4.377, de 13 de setembro de 2002 (Convenção sobre eliminação de todas as formas de discriminação contra a mulher). 8. Lei federal no 11.340, de 7 de agosto de 2006 (Lei Maria da Penha). 9. Código Penal Brasileiro (art. 140). 10. Lei federal nº 9.455/1997 (Combate à Tortura). 11. Lei federal nº 2.889/56 (Combate ao Genocídio). 12. Lei federal no 7.437, de 20 de dezembro de 1985 (Lei Caó). 13. Lei estadual no 10.549 de 28 de dezembro de 2006 (Cria a Secretaria de Promoção da Igualdade Racial); alterada pela Lei estadual no 12.212/2011. 14. Lei federal no 10.678 de 23 de maio de 2003 (Cria a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República).

Conhecimentos específicos exigidos de cada cargo

ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (DESENVOLVIMENTO): 1. Fundamentos: lógica de programação; Operadores e expressões, Estruturas de controle, seleção, repetição e desvio. Estruturas de dados; métodos de ordenação, pesquisa e hashing, estrutura de arquivos; paradigmas de programação; programação orientada a objetos. 2. Linguagens e ambientes de programação Java. Java SE: funcionamento da Java Virtual Machine; objetos, métodos, classes, pacotes, polimorfismo, sobrecarga, sobrescrita e herança, comandos de acesso a dados; comandos de manipulação de erros e tratamento de exceções; programação e distribuição de componentes, threads em Java. 3. Desenvolvimento web com Java EE: JSP, Servlets, Javabeans, EJB, JPA, JSF, JSTL, JDBC, HTML5, CSS, jQuery, XML, javaScript, Ajax. 4. Testes. Conceitos: verificação e validação, tipos de teste (unidade, integração, sistema/funcional, aceitação, carga. 5. Desempenho, vulnerabilidade, usabilidade). Testes de unidade em Java com JUnit 4 e mocking de classes. Automatização de testes funcionais com Selenium 2. 6. Testes de carga com JMeter. Gestão de defeitos (Bugtracking), Mantis. 7. Sistemas de Gerenciamento de Banco de Dados Relacional. Modelo lógico, modelo físico, Linguagem SQL. 8. Servidores de aplicação Java EE: Fundamentos de servidores de aplicação Java EE; Conceitos de clusterização. 9. Servidor de aplicação JBOSS Application Server 7. 10. Ferramenta de build: Maven 3. IDE Eclipse. 11. Análise estática de código e métricas: PMD, Findbugs e Checkstyle, Cobertura, Complexidade ciclomática, Ferramenta Sonar. 12. Ferramentas de gerência de configuração; 13. Práticas ágeis. Integração Contínua. Test-driven Development (TDD). Acceptance Test-driven Development (ATDD) e Especificação por Exemplo. Refactoring. Entregacontinua. 14. Subversion (SVN); 15. Jenkins; 16. Application Lifecycle Management (ALM); 17. Conceitos gerais e disciplinas de engenharia de software. Ciclo de vida de software. 18. Análise e projeto orientado a objetos com UML; 19. Análise de requisitos funcionais e não-funcionais. Modelagem orientada a objetos. Padrões de projeto. Modelagem de dados. Modelo relacional; 20. Processos de desenvolvimento de software. Processo interativo e incremental. Processos e práticas ágeis de desenvolvimento de software. Extreme Programming (XP);21. Técnicas para planejamento e priorização incremental de escopo em projetos ágeis. Domain-driven Design (DDD);22. Qualidade de software. Norma ISO 12207. Métricas de qualidade: coesão e acoplamento; 23. Medição e estimativas de software em pontos de função (IFPUG/CPM 4.3 e NESMA); 24. Conceitos básicos de modelagem e processos de negócio. Identificação e delimitação de processos de negócio. Técnicas de mapeamento de processos (modelos AS-IS). 25. Técnicas de análise e simulação de processos. Construção e mensuração de indicadores de processos. Técnicas de modelagem de processos (modelos TOBE). Modelagem de processos em UML e BPMN: notação, artefatos e atividades; 26. Sistemas de Gerenciamento de Banco de Dados (SGBD). Arquitetura em três camadas, modelo MVC; 27. Soluções de integração: Service Oriented Architecture (SOA), web services e REST; 28. Arquiteturas para Página 48 de 53 desenvolvimento de aplicativos em dispositivos móveis; 29. Inteligência de negócios. Processo de Data Warehousing. Data Warehouses e Data Marts. Modelagem multidimensional. Recuperação e visualização de dados.30. OLAP. Painéis e dashboards. Data Mining; 31. Integração de dados. Extração, transformação e carga (ETL); 32. Qualidade de dados. Gestão de conteúdo (ECM); 33. Automação de processo de trabalho (workflow). Gerenciamento de processos de negócio (BPM).

CONTADOR/ANALISTA DE GESTÃO (CIÊNCIAS CONTÁBEIS): CONTABILIDADE GERAL, AVANÇADA E SOCIETÁRIA:1. Conceito, objetivo e campo de atuação. 2.Princípios Fundamentais de Contabilidade segundo CFC, IBRACON E CVM. 3.Normas Brasileiras de Contabilidade: Resolução CFC 751/93. 4. Patrimônio: Componentes Patrimoniais: Ativo, Passivo e Patrimônio Líquido. 5. Equação Fundamental do Patrimônio. 6. Fatos Contábeis e respectivas Variações Patrimoniais. 7. Conta: conceito, Débito, Crédito e Saldo – Teorias, Função e Estrutura das Contas – Contas Patrimoniais e de Resultados. 8. Elenco e Plano de Contas. 9. Demonstrações contábeis obrigatórias, de acordo com a legislação em vigor. 10. Análise das Demonstrações Contábeis. 11. Lei 6404/76 e suas alterações posteriores. Lei 11.941/09. 12. Elaboração de demonstrações contábeis pela legislação societária e pelos princípios fundamentais da contabilidade. 13. Contabilidade em companhias abertas (Instruções da CVM e Mercado). Análise econômico-financeira. 14. Destinação de resultado. 15. Avaliação de estoques. 16. Fusão, cisão e incorporação de empresas. 17. Consolidação de demonstrações contábeis.

CONTABILIDADE DE CUSTOS. 18. Conceito, nomenclaturas aplicáveis à contabilidade de custos, classificação dos custos e despesas, sistemas de custeio, formas de produção, métodos de custeio e sistemas de controle de custo. 19. Custeio por absorção e Custeio variável. 20. Custos diretos: definição, material direto, mão de obra direta. 21. Custos indiretos: definição e critérios de rateio. 22. Custos fixos e variáveis. 23. Margem de contribuição. 24. Análise das relações custo/volume/lucro. 25. O ponto de equilíbrio contábil, econômico e financeiro. 26. Custeio baseado em atividades. ABC – Activity Based Costing.

CONTABILIDADE TRIBUTÁRIA: 27. Sistema Tributário Nacional. 28. Tributos Conceitos e Espécies de Tributos. 29. Obrigação Tributária Principal e Acessória. 30. Fato Gerador da Obrigação Tributária. 31. Tributos Diretos e Indiretos. 32. Escrituração Fiscal e Contabilizações dos Tributos. 33. Provisão de Créditos de Liquidação Duvidosa. 34. Critérios para Cálculo e Contabilização dos Encargos Sociais. 35. Imposto de Renda das Pessoas Jurídicas. 36. Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido das P. Jurídicas. 37. LALUR. 38. JSCP – Juros sobre Capital Próprio. 39. Planejamento Tributário. 40. ISS: Conceito, Base de Cálculo, Contribuinte de Fato e Responsável, Alíquotas máxima e mínima. 41. Formas de Tributação das P. Jurídicas: Lucro Real, e Arbitrário. 42. Retenções na Fonte. (retenções na fonte das contribuições previdenciárias e do IRPJ, CSLL, COFINS e PIS). 43. Ativos e Passivos Fiscais Diferidos.

CONTABILIDADE INTERNACIONAL: 44. Normas Brasileiras de Contabilidade. 45. Normas Internacionais de Contabilidade. 46. Convergência das Normas Contábeis Brasileiras às Normas Internacionais de Contabilidade. 47. Pronunciamentos Técnicos do Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC).

MATEMÁTICA FINANCEIRA: 48. Cálculo de prestações fixas e variáveis. 49. Avaliação de projetos pela VPL – Valor Presente Líquido e da TIR – Taxa Interna de Retorno. 50. Sistema de Amortização: SAC – Sistema de Amortização Constante e SAF – Sistema de Amortização Francês – Tabela Price. 51. Juros simples e compostos: capitalização e desconto. 52. Taxas de juros: nominal, efetiva, equivalente, real e aparente. 53. Cálculo de Indicadores Econômicos e Financeiros. 54. Análise de Fluxo de Caixa.

CÁLCULOS TRABALHISTAS: 55. Folha de pagamento (salário, hora extra, remuneração variável, adicional de insalubridade e periculosidade, adicional noturno), desconto do rendimento do empregado (INSS, IRPF e demais descontos, férias, 13° salário, FGTS), aviso prévio (indenizado e trabalhado). 56. Atualização de débitos Trabalhistas (aplicação de juros e correção monetária).

ENGENHEIRO (ENGENHARIA CIVIL/PRODUÇÃO CIVIL): 1. Projetos e execução de obras civis: arquitetônicos, estruturais (concreto, aço e madeira), fundações, instalações elétricas e hidrosanitárias – elaboração de termos de referência e projetos básicos. 2. Topografia e terraplenagem; locação de obra; sondagens; instalações provisórias. 3. Canteiro de obras; proteção e segurança, depósito e armazenamento de materiais, equipamentos e ferramentas. 4. Fundações. Escavações. Escoramentos. Estruturas metálicas, de madeira e de concreto; formas; armação; alvenaria Página 49 de 53 estrutural; estruturas pré-fabricadas. 5. Controle tecnológico. 6. Argamassas. 7. Instalações prediais. 8. Alvenarias e revestimentos. 8. Esquadrias. Coberturas. Pisos. Impermeabilização. Segurança e higiene do trabalho. Ensaios de recebimento da obra. Desenho técnico Projetos complementares: elevadores, ventilação-exaustão, ar condicionado, telefonia, prevenção contra incêndio – compatibilização de projetos. Especificação de materiais e serviços – caderno de encargos. Materiais de construção civil. Aglomerantes– gesso, cal, cimento portland. Agregados. Argamassa. Concreto: dosagem; tecnologia do concreto. Aço. Madeira. Materiais cerâmicos. Vidros. Tintas e vernizes. Instalações prediais. Instalações elétricas. Instalações hidráulicas. Instalações de esgoto. Instalações de telefone e instalações especiais (proteção e vigilância, gás, ar comprimido, vácuo e água quente). Fiscalização. Acompanhamento da aplicação de recursos (medições, emissão de fatura, etc.). Controle de materiais (cimento, agregados aditivos, concreto usinado, aço, madeira, materiais cerâmicos, vidro etc.). Controle de execução de obras e serviços. Planejamento e programação de obras: orçamento e composição de custos unitários, parciais e totais, BDI e encargos sociais – levantamento de quantidades; planejamento e cronograma físico-financeiro – PERT-COM e histograma de mão de obra. Operação e controle de obra, procedimentos gerenciais e acompanhamento de obras. Construção: organização do canteiro de obras – execução de fundações (sapatas, estacas e tubulões); alvenaria, estruturas e concreto, aço e madeira, coberturas e impermeabilização, esquadrias, pisos e revestimentos, pinturas, instalações (água, esgoto, eletricidade e telefonia). Noções de pavimentação de vias, terraplenagem e drenagem, de hidráulica, de hidrologia e solos. Documentação da obra: diários e documentos de legalização. Patologia das obras de engenharia civil (causa, prevenção e recuperação). Patologia das fundações. Patologia do concreto. Licitações e contratos da Administração Pública – Lei n.º 8.666, de 21/06/1993 e alterações posteriores. Conhecimentos básicos em AutoCAD, Project, planilhas eletrônicas e editor de textos. NR 05 – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes. NR 06 – Equipamentos de Proteção Individual – EPI. NR 08 – Edificações. NR 09 – Programa de Prevenção de Riscos Ambientais – PPRA. NR 11- Transporte, Movimentação, Armazenagem e Manuseio de Materiais. NR 21 – Trabalhos a céu aberto. NR 25 – Resíduos Industriais. Legislação Ambiental. Política Nacional do Meio Ambiente. Diretrizes Nacionais para o Saneamento Básico. Gestão da Qualidade: gestão de sistemas da qualidade; planejamento e controle da qualidade; Controle Estatístico da Qualidade (CEP); normatização (normas NBR/ISO atinentes à área de atuação), auditoria e certificação para a qualidade. Noções de segurança do trabalho.

ENGENHEIRO (ENGENHARIA SANITÁRIA/SANITÁRIA AMBIENTAL): 1. Hidráulica: escoamento nos encanamentos e condutos livres e forçados, peças e materiais hidráulicos. 2. Hidrostáticas: pressões e empuxos; transientes hidráulicos; formulas para cálculos de encanamentos, perdas de carga em tubulações e condutos livres, formula universal; rugosidade, instalações de recalque; hidrometria; medidores, velocímetros (hidrômetros), venturis, medidores parshalll, placas de orifícios; vertedores e ressaltos hidráulicos. 3. Sistemas urbanos de abastecimento de água: bacias hidrográficas, mananciais; ciclo hidrológico; consumo de água e abastecimento público importância e saúde pública; doença e veiculação hídrica; Projeções de consumo, projeções de população, distribuição demográfica; reservação, redes de distribuição; padrões de potabilidade; dimensionamento de blocos de ancoragem. 4. Sistemas urbanos de esgotos: sistemas de esgotamento, características físico-químicas e bacteriológicas dos efluentes, emissários interceptores, coletores, redes de esgoto e estações elevatórias, hidráulica básica para sistema de coleta de esgoto. 5. Saneamento: tratamento de esgoto (características físicas, químicas e biológicas). 6. Topografia: aplicação da topografia em obras de saneamento. 7. Tecnologia de concreto: execução de traços e controle tecnológico. 8. Orçamento e composição de custos unitários, parciais e totais: levantamento de quantidades, composição de BDI. 9. Planejamento, acompanhamento, fiscalização e controle de execução de obras e serviços: cronograma físico financeiro, acompanhamento de aplicação de recursos (medições, emissão de fatura etc.). 10. Operação e manutenção de sistemas de abastecimento de água: captação em água subterrânea e superficial, estações de bombeamento, adutoras, estações de tratamento de água, processos de tratamento de água, reservação, sub adução, rede de distribuição, ramais prediais, micro e macromedição, limpeza e desinfecção de tubulações e perdas. 11. Operação e manutenção de esgotamento sanitário: sistema de coleta de águas residuárias, ramais prediais, redes coletoras, coletores – troncos, interceptores, estações elevatórias, linhas de recalque, emissários, estação de tratamento, Página 50 de 53 disposição final das águas residuárias, reuso, manutenção preventiva e corretiva dos sistemas. 12. Legislação ambiental aplicada resolução CONAMA 357/05. 13. Meio ambiente.14. Portaria 518/04 do Ministério da Saúde.14. Noções de segurança do trabalho. ENGENHEIRO (ENGENHARIA ELÉTRICA) 1. Proteção elétrica utilizada em subestações elétricas em tensões de 13.8, 34, 69 e 230 KV. 2. Transformadores de potência nas tensões de 13,8 a 230 KV. 3.Proteção elétrica de motores de indução, corrente alternada com rotor em gaiola, em baixa e média tensão, de potência nominal até 5000 HP. 4. Especificação de: transformadores de potência nas tensões de 13.8 a 230 KV; motores elétricos até a tensão de 13.8 kV acoplados a bombas centrífugas; quadros de comando, controle, proteção de motores de indução, corrente alternada, rotor em gaiola; disjuntores e chaves seccionadoras em tensões até 230 kV. 5. Sistemas de Potência (curto-circuito e componentes do sistema elétrico). 6. Estudos de transitórios em partidas de motores de indução, corrente alternada, rotor em gaiola. 7. Instalações Elétricas. 8. Aterramento de sistemas e de equipamentos. 9. Sistemas de Proteção contra Descargas Atmosféricas (SPDA). 12. Planejamento e controle da manutenção. 13. Engenharia de Manutenção; 14. Noções de automação de sistemas. 15. Acionamentos e controles elétricos: partida direta, com autotransformador, soft starter e conversor de frequência. 16. Retificadores, Baterias e No-Breaks. 17. Legislação Ambiental. 18. Noções de segurança do trabalho. 

 

Exclusivo para Concurseiro – Grupo Telegram  

O Focus Concursos lançou um grupo de estudos no Telegram exclusivo para o concurso público.

  1. Grupo 1: Focado em Questões e Simulados Participe aqui.  

  1. Grupo 2: Notícias “em primeira mão” principais notícias de concursos públicos. Clique aqui e participe

Intensifique os seus estudos! Siga a conta do Instagram @questaoesimulado. A maior rede social de concurseiro focada, diariamente, em questões e simulados.